Mascotes do Brasileirão - Chapecoense


Depois dos cariocas: Vasco, Flamengo, Botafogo e Fluminense.

Dos Paulistas: Palmeiras, Corinthians, São Paulo, Santos e Ponte Preta.

Dos Mineiros: Atlético Mineiro e Cruzeiro.

Do Gaúcho: Grêmio.

Dos Baianos: Bahia e Vitória. Do Pernambucano Sport. E dos Paranaenses Atlético PR e Coritiba. Vamos para Santa Catarina apresentar o Mascote da Chape. A história do mascote da Chapecoense tem relação direta com a primeira casa do Clube, o Estádio Índio Condá. O nome é uma homenagem a um dos grandes líderes dos Kaingang no Oeste de Santa Catarina: Vitorino Condá. Diz a lenda que foi um cacique que lutou para que seu povo tivesse direito à terra junto ao governo brasileiro. Os colonizadores que chegavam à região iam se apossando das terras atrás de titulação do governo. Vitorino então conseguiu garantir que os Kaingang continuassem no local. Hoje, a Aldeia Condá fica a aproximadamente 15 quilômetros do centro de Chapecó e seu nome é visto como símbolo de união e paz. Apesar de ser um símbolo de resistências, carrega valores que são importantes nos tempo atuais e - principalmente - para o momento atual que vive a Chapecoense. O Estádio Índio Condá teve fim em 2007, quando foi reformado para se tornar a Arena Condá que conhecemos atualmente. Parte da estrutura antiga foi demolida para a construção da nova arena. As obras terminaram em 2014 e o local aumentou sua capacidade de 15 mil para 22 mil pessoas.

O Índio Condá versão Eddie Souza, ficou assim.

Semana que vem tem Avaí, depois Atlético-GO, e acabou =( Abraços e até a próxima

Eddie Souza

#EddieSouza #Campeonatobrasileiro #Futebol #Mascotes #Mascote #Cartoon #Ilustrador #Ilustração #Chapecoense #Índio #Conda

Posts Relacionados

Ver tudo
DESTAQUE
INSTAGRAM
ARQUIVO
CATEGORIAS
SIGA-ME
  • Facebook Basic Square
  • Instagram Social Icon
  • YouTube Social  Icon